Segunda, 26 Novembro 2018 11:31
Avalie este item
(0 votos)

SPC em Foco: Boa parte dos inadimplentes pretende usar o 13º para quitar dívidas



Os recursos do 13º salário, que devem começar a cair nas contas dos trabalhadores agora no fim do mês, já têm destino certo para a maioria dos brasileiros: o pagamento de dívidas. Segundo uma pesquisa da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais (Ipead), pagar contas atrasadas e quitar dívidas serão prioridades para 25,77% dos entrevistados. Logo na sequência, o pensamento no futuro foi apontado por 18,56% de quem pretende poupar para outros fins.


Para Thaize Martins, coordenadora de Pesquisa e Desenvolvimento do Ipead, planejamento é a palavra-chave para quem quer começar o ano sem sufoco. “Pagar contas atrasadas e quitar dívidas é o mais recomendado. O ideal é que o recurso extra seja usado para sair de dívidas de cartão de crédito e cheque especial, que têm juros muito altos”, recomenda ela. Já o educador financeiro Sandro Borges é planejar. “É importante lembrar dos gastos de janeiro: impostos, como o IPTU e IPVA, e o material escolar dos filhos. A melhor escolha econômica é poupar. É fundamental fazer disso um hábito”, comenta.


Pesquisa revela que 25% dos brasileiros vão poupar o recurso


Se 25% dos trabalhadores vão usar o 13º para pagar dívida, 27% utilizar o dinheiro extra em aplicações financeiras, como a poupança. Outros 23% pretendem gastar com presentes de Natal, segundo pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do SPC Brasil (Serviço de Proteção ao Crédito). O estudo, feito nas 27 capitais do país, ainda revela que 16% vão gastar o 13° salário durante as festividades de Natal e Ano Novo e outros 13% vão pagar despesas essenciais da casa, como contas de água e luz.


Nome sujo


Em setembro, 62,4 milhões de brasileiros estavam inadimplentes – número quase 4% maior do que o registrado há um ano, segundo a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas.


Calendário


O pagamento do 13º salário geralmente é feito em duas parcelas. Por lei, a primeira deve ser depositada até 30 de novembro. O prazo máximo para a empresa depositar a segunda é no dia 20 de dezembro. Quem trabalhou o ano todo ganha um salário cheio. Aqueles que foram contratados ao longo do ano vão receber um valor proporcional ao tempo de empresa. Para aposentados e pensionistas do INSS, a primeira parcela do 13º foi paga entre agosto e setembro. Já segunda parcela começa a ser paga nesta terça-feira (27/11).


Leia a notícia completa, publicada pelo jornal O Tempo, clicando aqui.

 

 

 

 

 

 

 

Última modificação em Segunda, 26 Novembro 2018 14:45

Onde estamos

Praça Getúlio Vargas, 19, Centro, Ponte Nova-MG - CEP: 35430-002

  • dummy (31) 3817-2492

  • dummy contato@acipcdl.com.br

  • dummy Seg à Sex das 8hs às 18hs

Desde 1938 unindo a classe empresarial de Ponte Nova

Newsletter

Receba os melhores conteúdos sobre a ACIP/CDL! Cadastre-se agora para receber nossa newsletter.
Fique tranquilo, odiamos spam! Seu e-mail está 100% seguro.
Please wait
© Copyright 2019. ACIP/CDL. Todos os direitos reservados.
Desde 1938 unindo a classe empresarial de Ponte Nova e região

Pesquisar